Rússia – Programando a Viagem

A Copa do Brasil acabou e garanto que já tem muita gente pensando na próxima: a Copa da Rússia de 2018. Mas esse é só mais um motivo pra ir lá …

IMG_3807 (800x533)

Nas suas duas mais conhecidas fases, a czarista e a soviética, o país é cheio de história e tem muita coisa para conhecer.

Nós fomos em agosto de 2011 (com 10 dias de férias) e tive muita dificuldade em achar informações práticas na internet sobre o destino, muita mesmo. Então, vou tentar fazer meus posts com o máximo de dicas que eu lembrar (já faz um tempinho).

O primeiro medo que deu foi a língua e, chegando lá, vi que era justificável. Pelo menos até aquela época, não vi placas no alfabeto ocidental e o metrô era exclusivamente sinalizado em cirílico. A boa notícia é que uma mini estudada no desenho das letras (fiz isso no avião) já te dá uma boa base pra se virar, verdade! Não que você vá conseguir entender um texto, mas quando a palavra for idêntica em cirílico e no alfabeto ocidental (nome das estações de metro e ruas, por exemplo), dá pra entender! Vou explicar com mais calma no post sobre o metro de Moscou (aqui).

** acho que essa dificuldade tende a melhorar muito com a Copa de 2018. Provavelmente, as estações serão sinalizadas em inglês também.

 IMG_4000 (800x533)

Falando nele, uma tranquilidade é que, em Moscou, se você perder o medo da língua, dá para chegar em todos os lugares de metrô. Em São Petersburgo, dá pra fazer quase tudo à pé.

Para chegar até o país, fomos até Paris de Air France e de lá pegamos um vôo para Moscou de Aeroflot (cia russa).

Só para evitar perrengues logo na chegada, fechamos um transfer de e para os aeroportos (com essa empresa aqui).

Obs. Débora: outra opção de transfer é a empresa Lingo Taxi (aqui), que, quando fui, estava mais barata!

Em Moscou, outra opção é o Aeroexpress, um trem expresso que liga vários aeroportos a algumas estações de trem da cidade. Por sua vez, as estações de trem são conectadas ao metrô e você conseguirá chegar ao seu hotel. Só duas considerações. O metrô é fundo e muitos não possuem elevador ou escadas rolantes, o que pode ser um problema para quem estiver de malas de rodinha. Além disso, cheque o horário de funcionamento do Aeroexpress, pois ele não funciona 24h.

Para entrar no país, brasileiros não precisam de visto, desde que sua estadia não ultrapasse 90 dias.

Em Moscou, ficamos hospedados no Marriot Tverskaya, nada demais, nem de menos, mas era em uma avenida com vários restaurantes para comer à noite e do lado de uma estação de metrô, o que facilitou bastante nossa vida.

Pegamos outro voo Aeroflot para São Petersburgo. Nem vou indicar nosso hotel porque ficava do outro lado do rio e recomendo fortemente que você escolha um hotel no lado do rio onde se encontra a maioria das atrações turísticas – lado do Hermitage.

** a ponte aérea Moscou – St. Peter é rapidinha e barata, mas consideraria também ir de trem. O expresso hoje em dia faz o percurso em 3 ou 4 horas. Pode valer a pena, porque os aeroportos não ficam tão perto das cidades. Dá pra comprar bilhete online aqui.

Nossa viagem não incluiu as cidades do círculo dourado (se tiver mais tempo no país, vale a pena conhecer, mas não sei a viabilidade/facilidade de fazer por conta). O roteiro ficou assim:

Dia 1 – SP/Paris/Moscou: Praça Vermelha à noite

Dia 2 – Moscou: Kremlin, Praça Vermelha (Catedral de São Basílio e Museu de História da Rússia), Teatro Bolshoi, KGB, Biblioteca Lenina, Rua Arbat, Catedral de Cristo o Salvador

Dia 3 – Moscou: Mausoleu do Lênin, Cidade Olímpica, Universidade, metro tour, Museu da Revolução

Dia 4 – Moscou/São Petersburgo: Praça do Palácio

Dia 5 – São Petersburgo: Navio Aurora, Igreja do Sangue Derramado, Avenida Nesvski, Catedral Kazan, Café Singer, Catedral de San Isaac.

Dia 6 – São Petersburgo: Hermitage, Fortaleza de São Pedro e São Paulo

Dia 7 – Pushkin e Peterhof

Dia 8 – São Petersburgo/Paris

Dia 9 – Paris

Dia 10 – Paris/São Paulo

Infelizmente, nessa viagem nós não demos sorte. Apesar de ser verão, pegamos chuva muitos dias. Para melhorar, o país estava totalmente em obras! Muitas das atrações turísticas estavam cheias de tapumes. Os teatros estavam fechados em época de férias. Fechando com chave de ouro, ia ter um evento na Praça Vermelha e eles estavam montando arquibancadas no pátio! Então, por mais que você queira fugir do frio, pense nisso antes de escolher a época de férias deles.

DSC01421 (800x451)

Pior que a gente, só a coitada da noiva que ia usar a praça como pano de fundo pro álbum de casamento – eles adoram fazer isso por lá!

O roteiro mais detalhado de cada cidade vocês podem ver nos posts sobre Moscou e São Petersburgo.

Advertisements

13 thoughts on “Rússia – Programando a Viagem

  1. Pingback: Roteiro de Moscou | Diários de Férias

  2. Pingback: Roteiro de São Petersburgo | Diários de Férias

  3. Pingback: O Principal de Paris | Diários de Férias

  4. Em São Petersburgo, atualmente, a sinalização tanto do metrô, quanto nas ruas, também é feita no alfabeto latino. Achei São Petersburgo tranqüilíssimo para se viajar independente, Moscou nem tanto. Abraços.

  5. Pingback: Roteiro de Moscou | Diários de Férias

  6. Olá, vou fazer um roteiro parecido na próxima páscoa! Sabe quanto gastou em atrações? Moscovo e St. Petersburgo são “cidades caras”?
    Adorei o roteiro!! 🙂

    • Olá Filipa! Desculpe por não responder a tempo. O blog não estava notificando comentários. Não me recordo o preço das atrações. Se depois puder deixar a dica por aqui, será ótimo!

  7. Pingback: O Principal de Paris | Diários de Férias

  8. Olá, estou programando uma viagem a St. Peter e gostaria de saber se você poderia me indicar um tour para Pushkin e Peterhof. Tenho encontrado alguns na internet mas a maioria são para cruzeiros e aqueles que atendem turistas independentes estão caros na minha opinião.
    Obrigado

    • Oi, Renan! Quando fui a Peterhof, acabamos pegando um taxi agendado pelo próprio hotel. Como estávamos em três pessoas, achei a opção mais barata…Na volta, pegamos o barco mesmo…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s